participantes por categorias

Critérios utilizados por Júri Interno para definir os veículos concorrentes: Modelos com mudanças substanciais de um ano para o outro, veículos agrupados em categorias por faixa de preço e apenas um carro por montadora em cada categoria
Toyota Etios Hyundai HB20 Volkswagen Gol Chevrolet Onix Fiat Palio Chery QQ Renault Clio Ford KA Geely C2

hatch

Volkswagen Fox Renault Sandero Ford New Fiesta Citroen C3 Nissan March Fiat Punto Peugeot 308 Honda Fit

esportivo

Chevrolet Camaro Mercedes A 45 AMG BMW M3 Audi TT Mitsubishi Lancer GT Peugeot RCZ

sedan pequeno

Chevrolet Prisma Hyundai HB20S Toyota Etios Sedan Renault Logan Fiat Siena Nissan Versa Volkswagen Voyage Ford Ka Sedan Geely EC7

picape

Toyota Hilux Chevrolet S10 Ford Ranger Volkswagen Amarok Nissan Frontier Mitsubishi L200 Ssangyong Actyon Sports

picape pequena

Fiat Strada Chevrolet Montana Volkswagen Saveiro

sedan de luxo

Toyota Corolla Honda Civic Chevrolet Cruze Nissan Sentra Mitsubishi Lancer Ford Focus Citroën C4 Lounge Fiat Linea Hyundai Elantra Kia Cerato Pegeout 408 Renault Fluence Volkswagen Jetta AUDI A3

minivan

Fiat Idea Chevrolet Spin Nissan Livina

importado

Audi Q5 BMW X3 Land Rover Evoque Volvo XC60 Ford Edge Kia Morave Mercedes ML 320 Volkswagen Touarege JAGUAR XE

UTILIÁRIO ESPORTIVO MÉDIO

Ssangyong Korando Chevrolet Tracker Suzuki Grand Vitara Ford Ecosport Renault Duster Kia Sportage Hyundai IX35

UTILIÁRIO ESPORTIVO GRANDE

Toyota Hilux SW4 Land Rover Discovery 4 Chevrolet Trailblazer Jeep Grand Cherokee Mitsubishi Pajero Full Hyundai Santa Fe Kia Sorento FIAT FREEMONT

centro automotivo

categoria aberta

marca de carro

categoria aberta

marca de moto

categoria aberta

concessionária de moto

categoria aberta

motocicleta

categoria aberta

concessionária de carro nacional

categoria aberta

concessionária de carro importado

categoria aberta

concessionária de caminhão

categoria aberta

auto shopping

categoria aberta

revenda de seminovos

categoria aberta

Metodologia do concurso

Pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas de Pernambuco (Ipespe) a pedido do Diário do Nordeste, durante os meses de março e abril de 2015. Pesquisa de opinião utilizando a metodologia quantitativa através de entrevistas face a face, em pontos de fluxo da cidade de Fortaleza, contemplando sua distribuição regional. A pesquisa se propõe a mensurar a preferência do consumidor de Fortaleza em 21 categorias do segmento automotivo. 600 pessoas ouvidas com 18 anos ou mais, das classes econômicas A, B e C, que possuem carro com até 5 anos de fabricação. A classificação econômica é realizada de acordo com o Critério Brasil/ABEP, baseado na posse de itens de consumo e instrução do chefe da família. A margem de erro para o total da amostra é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um intervalo de confiança de 95%.